Cidade

População participa da Audiência sobre a construção do Calçadão da Praça Santa Luzia

Publicado em

Na manhã de quarta-feira, 12/07, a Câmara Municipal de Patrocínio realizou a Audiência Pública para tratar do Projeto de Lei nº 11/2017, referente ao fechamento de trecho da Avenida Rui Barbosa, entre as ruas Elmiro Alves e Coronel João Cândido, para construção do Calçadão da Praça Santa Luzia.

A audiência teve  duração de 4 horas e o objetivo promover amplo debate entre todos os segmentos da sociedade civil sobre as questões relevantes relacionadas ao tema, para que posteriormente o referido projeto seja inserido em pauta, discutido e votado pelos Vereadores em Reunião Ordinária. Aproximadamente de 250 pessoas compareceram e contribuíram com o debate com perguntas, sugestões e dúvidas.

 Apresentação

Após a abertura dos trabalhos a arquiteta e urbanista da Secretaria Municipal de Urbanismo, Shirley Oliveira Brandão, falou sobre planejamento urbano. Dando sequência falou o Secretário Municipal de Urbanismo, Diogo Mendes Gonçalves, que apresentou um minucioso estudo sobre o entorno da praça e o projeto para a construção do Calçadão, com riqueza de detalhes e informações.

Leia Também:  PRF inicia Operação Semana Santa 2023 nas rodovias federais de MG

 A Secretária Municipal de Cultura, Eliane Ferreira Nunes, fez suas considerações com relação ao que a Praça Santa Luzia representa hoje para a cultura, o lazer e entretenimento e as inúmeras possibilidades de ampliar esse espaço com o Calçadão.

 Perguntas

Após a explanação passou-se às perguntas e participações do público. Foram 19 participações orais, entre instituições, comerciantes e sociedade civil. Em seguida falaram os Vereadores Paulo Roberto dos Santos – Panxita; Professor Alexandre Vitor Castro da Cruz e Roberto Margari de Souza e a Vereadora Marcilene Jacinto Queiroz.

 Além das perguntas orais realizadas por aqueles que solicitaram a palavra através de formulário preenchido antes do início da Audiência, foram distribuídos também ao público formulários para perguntas escritas, encaminhadas aos componentes da Mesa para respostas.

 Agradecimento

A Câmara agradece aos segmentos organizados, comerciantes, autoridades, imprensa e a população por participarem desse importante debate, o que em muito ajudará aos Vereadores na apreciação do projeto. Foi uma verdadeira aula de civilidade e participação democrática, onde dúvidas foram esclarecidas e todos puderam se manifestar, expondo ideias e pontos de vista.

Leia Também:  Autora de livro sobre a tragédia de Brumadinho participa do Segunda 18h

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Cidade

ESCOLHA OS NOMES DOS NOVOS CÃES DA POLÍCIA CIVIL DE MINAS GERAIS

Published

on

Legenda das fotos: Filhotes nasceram em agosto; votação começa nesta sexta-feira (22/9) e vai até 3/10

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) lançou, nesta sexta-feira (22/9), uma campanha para escolher os nomes dos novos integrantes da instituição: dois filhotes de cães, resultado do cruzamento das raças pastor alemão com pastor belga malinois.
A população poderá escolher entre as seguintes opções: Athos, Argos ou Horus, para o primeiro filhote; e Colt, Rock e Sig, para o segundo. A votação termina em 3/10. O resultado será divulgado em 4/10, quando é celebrado o Dia Mundial dos Animais. Para votar clique www.policiacivil.mg.gov.br/site-pc/enquete/responder
Os pais dos filhotes, os cães policiais Luna e Glock, foram selecionados pela excelência em trabalhos e boa saúde. A aquisição de cães pela PCMG pode ocorrer por meio de compra, criação própria ou doação de terceiros, obedecidas as formalidades legais, conforme previsto na Resolução número 8.263.

TREINAMENTO
Conforme a equipe da Coordenação de Operações com Cães (COC) da PCMG, nessa fase, os filhotes, nascidos no dia 16/8, passam por treinamentos de obediência, controle e de detecção. Os animais, por meio de reforços, começam a ter contato e entender qual odor ele deve buscar.
Ainda sobre o treinamento, o coordenador da COC, investigador Mateus Picinin, explica: “A partir de 35 dias, iniciam-se exercícios simples de captura de movimentos e, principalmente, de socialização, sempre baseado em atividades lúdicas para o cão”.
Segundo ele, “A evolução é gradativa e de acordo com a resposta de cada filhote. É importante salientar que nem todos mostram aptidão para o trabalho. O tutor já pode ser designado nesse momento ou conforme a adaptação de cada um”.

Leia Também:  TJMG participa da entrega do Destaque Estudantil 2022 da Assprom

CANIL DA PCMG
A COC da PCMG está localizada na capital e conta com nove cães, das raças border collie, cocker spaniel, pastor alemão e pastor belga de malinois, além de outros seis em avaliação e preparação.
Os cães da PCMG são preparados para a localização de entorpecentes, treinados de forma responsável, sem contato direto com a droga. A partir da Resolução 8.263, a preparação desses animais será estendida para mais áreas, como por exemplo localização de cadáver e de pessoas.
Em ações policiais, os cães são transportados em carro próprio, adaptado, com ventilação, ar condicionado e iluminação, facilitando o manejo do animal.
Em média, os cães atuam na instituição até os 8 anos, quando passam por avaliações mais constantes, podendo chegar até 10 anos, quando serão aposentados. Depois disso, os cães são doados seguindo critérios do COC, tendo como prioridade o policial que o acompanhou durante sua jornada. Somente este ano, a COC já foi empenhada em 70 acionamentos, entre apoios policiais e operações e eventos.

Leia Também:  TCEMG participa do 2º Laboratório de Boas Práticas dos Tribunais de Contas

TRABALHO TERAPÊUTICO
Por meio de parceria com o Hospital Paulo de Tarso, os cães da PCMG participam também do trabalho de Terapia Assistida por Animais, que consiste em acompanhar pacientes com dificuldades motoras na realização de exercícios fisioterapêuticos, sempre acompanhados com um profissional da saúde.
O contato com os animais resulta em inúmeros benefícios ao paciente, que libera hormônios relacionados ao prazer e bem-estar, impactando em melhoras na saúde motora, emocional e psicológica.

Crédito das imagens: PCMG / Divulgação

COMENTE ABAIXO:
Continuar lendo

GRANDE BH

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA