GeralNotícias

Júlio Elias, condenado

Na noite desta quarta (06), o ‘Balanço Geral’ da TV Paranaíba chamou a atenção da população patrocinense ao informar que o ex-prefeito Júlio César Elias Cardoso teria sido condenado a 12 anos de prisão.

O noticiário ressaltou, contudo, que essa é uma decisão em primeira instância e o ex-prefeito 93/96 – 2005/2008 pode recorrer em liberdade.

O caso aconteceu em 2014, quando o ex-prefeito foi acusado de abusar sexualmente de uma menina de (na época) 7 anos. Júlio Elias chegou a ser preso, mas conseguiu um habeas corpus e está respondendo o processo em liberdade.

O advogado do dr JCEC informou ao programa que já esperava a condenação em primeira instância “diante da postura do Judiciário”. O defensor salientou que vai recorrer da decisão e que confia na absolvição de Júlio Elias nas instâncias superiores.

NR: Na verdade, a informação é a de que Júlio César Elias Cardoso já teria sido condenado em segunda instância (veja documento abaixo). Seus advogados tentam agora recorrer da decisão através de um agravo de instrumento.

blank

Da Redação com Mais um online/ Balanço Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios